sábado, 10 de setembro de 2016

Caixa de Pássaros - Resenha

Me lembro de quando Caixa de Pássaros foi lançado. Ouve um bafafá de todo mundo falando o quanto o livro era bom. Fiquei louca e queria muito ler o livro. Minhas expectativas eram altíssimas e despencaram quando li o livro.

O livro não é ruim. Mas não é nem de longe tudo aquilo o que falavam. Pelo menos não para mim.

Nesse livro, vamos conhecer a história de Malorie que, grávida, morava com sua irmã Shannon. Ao mesmo tempo em que descobre a gravidez, algo começar a mudar no mundo fazendo com que as pessoas fiquem violentas e ataquem aos outros e a si mesmos.

Muitas histórias são contadas e as irmãs não tem certeza da veracidade até que um jornal transmitem imagens de seres humanos que ficaram violentos após ver algo. Certas do mal que assola o país, Malorie e Shannon cobrem todas as saídas da casa - portas e janelas - e passam a viver ali trancadas até o dia que que Shannon visualiza o desconhecido e comete suicídio.

Depois da morte da irmã, Malorie busca abrigo em uma casa onde alguém dizia, por meio de um anuncio de jornal, que seria bem vinda para morar ali. Nessa casa, outros personagens aparecem e juntamente com Malorie, vivem momentos de tensão e dificuldades.

Ao mesmo tempo em que esses acontecimentos são narrados, o autor conta a viagem que Malorie faz com os filhos, que desde que nasceram, nunca viram a luz do sol. O que acontece e para onde ele vão? Só lendo para descobrir! E eu realmente espero que vocês gostem deste livro mais do que eu!

Nenhum comentário:

Postar um comentário